Terça, 20 de novembro de 2018
(94) 99153-9530
Esportes

17/09/2018 ás 13h28

Moraes Filho

Xinguara / PA

Vasco se prepara para mais uma semana tensa
O clima de medo entre os jogadores também é uma realidade.
Vasco se prepara para mais uma semana tensa

time do Vasco mostrou muita vontade em campo, correu os noventa minutos, porém não conseguiu mais do que um empate por 1 a 1 com o Flamengo na noite de sábado, em Brasília (DF). O resultado na capital federal não foi suficiente para tirar o Cruz-Maltino da zona da degola no Campeonato Brasileiro e agora mais uma semana de forte tensão se inicia em São Januário.


Na chegada da delegação no domingo, um grupo de torcedores voltou a protestar. Cobraram o presidente Alexandre Campello e ameaçaram os jogadores com gritos de guerra no caso de um novo rebaixamento. O Vasco caiu para a Segunda Divisão nos anos de 2008, 2013 e 2015.


A diretoria planeja um forte esquema de segurança para a semana de atividades no Centro de Treinamento do Almirante, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. A Polícia Militar também foi avisada e existe a preocupação de possíveis novos protestos.


O clima de medo entre os jogadores também é uma realidade. Alguns estão receosos de saírem de casa com medo de serem abordados em locais públicos, porém, nenhum reclama publicamente e o discurso é sempre o de trabalhar cada vez mais para que o Cruz-Maltino saia da incômoda situação na tabela de classificação.


E a semana do Vasco será realmente longa. Isso porque o time só volta a campo na próxima segunda-feira, às 20h (de Brasília), quando recebe o Bahia em São Januário pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para este compromisso o técnico Alberto Valentim poderá contar com o retorno do lateral-direito Yago Pikachu e do volante argentino Leandro Desábato, que cumpriram suspensão no clássico. O time, porém, só será definido nas últimas atividades da semana.

FONTE: Fonte: Gazeta Esportiva

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados