Quarta, 26 de setembro de 2018
(94) 99153-9530
Brasil

01/02/2018 ás 20h31

Moraes Filho

Xinguara / PA

Em janeiro, paraenses pagaram mais caro na gasolina
Em janeiro, o preço médio do litro da gasolina foi comercializado a R$ 4,268
Em janeiro, paraenses pagaram mais caro na gasolina
Em dezembro, o preço médio do litro da gasolina foi comercializado a R$ 4,215

Os paraenses, conforme dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP), iniciou 2018 desembolsando mais para encher o tanque dos veículos. Segundo levantamento do escritório regional do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o preço médio da gasolina comercializado em postos aumentou em janeiro de 2018, em comparação com o mês anterior, dezembro de 2017.


Em dezembro, o preço médio do litro da gasolina foi comercializado a R$ 4,215, com o menor valor em R$ 3,700 e o maior a R$ 5,000. Em janeiro, o preço médio do litro da gasolina foi comercializado a R$ 4,268, com o menor preço custando em média R$ 3,799 e o maior a R$ 5,040.


O Dieese/PA aponta, ainda, que a nova alta fez o Pará encerrar o primeiro mês do ano com a quarta gasolina mais cara entre os estados da região Norte e com a oitava mais cara do Brasil. O preço mais alto da gasolina no país, em janeiro, foi comercializado no Acre, custando em média R$ 4,753, seguida do Rio de Janeiro (R$ 4,646), Goiás (R$ 4,406), Minas Gerais (R$ 4,390), Tocantins (R$ 4,386), Rio Grande do Sul (R$ 4,345) e Rondônia (R$ 4,317). (Luciana Marschall)

FONTE: Correio de Carajás

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados