Terça, 26 de março de 2019
(94) 99153-9530
Política

10/03/2019 ás 14h34

Moraes Filho

Xinguara / PA

Helder lança Programa Mulher Paraense
Ainda durante o evento, foi lançada a honraria “Comenda da Mulher Cientista”, que consiste no reconhecimento do papel da mulher na ciência dentro do Estado
Helder lança Programa Mulher Paraense
Celso Rodrigues/Diário do Pará

Mulheres que pretendem ser donas do próprio negócio têm a chance de garantir até R$ 5 mil em financiamento com apenas 1% de juros ao mês. Esse é o crédito “Empodera”, oferecido pelo Banco do Estado do Pará (Banpará), um incentivo que faz parte do Programa Mulher Paraense, lançado pelo governador Helder Barbalho, no Palácio do Governo, em Belém. O programa reúne mais de 100 ações sociais destinadas às mulheres em todo o Estado, 85 deles voltados para a prestação de serviços que serão oferecidos ao longo deste mês; outros serão permanentes, como o crédito.


“Desejamos priorizar as mulheres como líderes, chefas de família, mães, para que as mesmas possam ter acesso a créditos subsidiados, com juros diferenciados e, acima de tudo, com a desburocratização para a geração de renda e fortalecimento das atividades a partir da qualidade e do talento das mulheres. Desejamos dar condições para que negócios sejam abertos, rendas sejam garantidas e emprego sejam gerados”, destacou o governador.


O presidente do Banpará, Braselino Assunção, explica que o “Empodera” é um crédito exclusivamente destinado às mulheres que queiram investir num negócio, sem burocracia, e há R$ 7,5 milhões de recursos próprios do banco para o lançamento. “Qualquer tipo de projeto que a mulher queira, seja no ramo de batedor de açaí, confecção e etc. O Banpará entende que as mulheres são responsáveis e buscam crédito diferenciado para começar o pequeno negócio para depois crescer. É o início da inserção da mulher ao crédito”.


Wanda Santos, 62, foi uma das três batedoras de açaí que receberam o cheque simbólico no valor de R$ 10 mil, como incentivo do CredCidadão – programa de microcrédito do Governo do Estado voltado a pequenos empreendimentos - que possui linha de crédito especial para essa atividade. “Esse valor ajuda muito. Vou investir em material e equipamentos. É da renda do açaí que sustento minha família. Só tenho a agradecer ao governador e ao CredCidadão”, afirmou a moradora do distrito de Outeiro, em Belém.


                           


A cerimônia foi realizada ontem, no Dia Internacional da Mulher. O governador Helder Barbalho fez a entrega simbólica de alguns cheques do programa CredCidadão. (FOTO: CELSO RODRIGUES)


HONRARIA


Ainda durante o evento, foi lançada a honraria “Comenda da Mulher Cientista”, que consiste no reconhecimento do papel da mulher na ciência dentro do Estado. Segundo o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Carlos Manescky, a iniciativa visa estimular as mulheres paraenses para que vejam a ciência como caminho da valorização profissional. A honraria instituída reconhecerá, por meio de indicação popular e seleção do público feminino do órgão, o talento e compromisso de uma pesquisadora sênior e uma jovem. “Esta é uma forma que o Governo faz uma sinalização clara da necessidade da presença mais forte da mulher na área da ciência e tecnologia”, destacou.


Para a deputada estadual, professora Nilse, as ações do Programa Mulher Paraense são importantes diante do contexto social que a mulher enfrenta, principalmente quanto à violência, possibilitando mudança de vida dessa população. “Uma das razões da submissão da mulher enfrentando a desigualdade social é por falta de oportunidade e condições. E o que vemos nesse programa é justamente a integralização das secretarias, na intenção e na vontade de dar oportunidade a essas mulheres, que vai desde a segurança até oportunidade de crédito”, disse.


Durante o evento, o governador Helder Barbalho, o vice-governador Lúcio Vale e o presidente da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), Dr. Daniel, entregaram flores às esposas e a todas as mulheres que participaram do evento.


(Michelle Daniel/Diário do Pará


 

FONTE: DOL

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados