Segunda, 27 de maio de 2019
(94) 99153-9530
Política

15/03/2019 ás 16h51

Moraes Filho

Xinguara / PA

'No final vai Petrobrás, vai Banco do Brasil, tem que ir tudo’, diz Paulo Guedes sobre privatizações.
Nesta sexta-feira (15), o governo realizou o leilão de 12 aeroportos, arrecadando cerca de R$ 2,3 bilhões.
'No final vai Petrobrás, vai Banco do Brasil, tem que ir tudo’, diz Paulo Guedes sobre privatizações.

Ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que as privatizações de estatais e a venda de ativos da União, como imóveis, são uma prioridade do governo para reduzir a dívida pública e os gastos com juros; Guedes disse ainda, que a meta é privatizar "tudo"; "No final vai a Petrobrás também, vai o Banco do Brasil, tem que ir tudo", destacou; nesta sexta-feira (15), o governo realizou o leilão de 12 aeroportos, arrecadando cerca de R$ 2,3 bilhões


247 - O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que as privatizações de estatais e a venda de ativos da União, como imóveis, são uma prioridade do Governo Jair Bolsonaro. Segundo Guedes, o objetivo é reduzir a dívida pública e os gastos com juros. "Vamos atacar as prioridades. A primeira delas é a Previdência. O segundo maior gasto são os juros da dívida", afirmou. Guedes disse ainda, que a meta é privatizar "tudo". "No final vai a Petrobrás também, vai o Banco do Brasil, tem que ir tudo", destacou. Nesta sexta-feira (15), o governo realizou o leilão de 12 aeroportos, arrecadando cerca de R$ 2,3 bilhões.


Guedes, que nesta sexta-feira participou de um seminário na Fundação Getúlio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro, lembrou, ainda, que levou o empresário Salim Mattar para atuar como secretário especial para a área de privatizações com o objetivo de entregar à iniciativa privada o que for possível. "Eu trouxe o Salim Mattar, com apetite enorme, doido pra privatizar o máximo o possível, doido pra passar a faca", ressaltou.


O ministro disse que a entrega dos ativos da União à iniciativa privada , incluindo as estatais não listadas em Bolsa, poderá render até R$ 1,2 trilhão ao Tesouro.


Valter Campanato/Agência Brasil

FONTE: BRASIL 247

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados