Quinta, 25 de abril de 2019
(94) 99153-9530
Cidades

18/03/2019 ás 08h13

Moraes Filho

Xinguara / PA

Falso policial é preso em hospital, no sul do Pará
Com medo, a família de um dos jovens se mudou do estado do Pará.
Falso policial é preso em hospital, no sul do Pará
Foto: Reprodução

Um homem foi preso esta semana no Hospital Regional de Redenção, no sul do Pará, onde estava internado após sofrer um acidente de moto. Segundo a Polícia Civil, ele foi reconhecido como um dos responsáveis pelo sequestro de dois rapazes, que estão desaparecidos desde outubro de 2018.


De acordo com as famílias das vítimas, dois homens armados, que se identificaram como policiais, levaram Adison Bruno Souza Lima, de 25 anos, e Francisco Oliveira Machado, de 26. Os suspeitos foram primeiro na casa de Francisco e o obrigaram a leva-los até a casa de Adison.


Os falsos policiais colocaram as vítimas um carro branco e disseram para os familiares que eles iriam para a delegacia prestar depoimento sobre uma moto que tinha sido usada pelos amigos dias antes. Essa foi a última vez que os rapazes foram vistos.


Com medo, a família de um dos jovens se mudou do estado do Pará.


“Invadiram a minha casa, pegaram meu filho pra levar pra delegacia. O cara disse que era policial, colocou a arma na minha cara e levou. E eu não pude fazer nada”, relata a mãe, que preferiu não ser identificada.


“Já estamos com quase seis meses de sofrimento. O meu filho era um menino bom, todo mundo conhece. A cidade inteira tá com aquela corrente, forte, que meu filho vai aparecer com vida”, afirmou o pai de um dos rapazes desaparecidos.

FONTE: Com informações G1/PA

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados