Segunda, 22 de outubro de 2018
(94) 99153-9530
Brasil

06/04/2018 ás 19h11

Moraes Filho

Xinguara / PA

'Como ex-chanceler, me sinto envergonhado', diz Amorim sobre prisão de Lula
"Estou me sentindo injustiçado e, como ex-chanceler, muito envergonhado"
'Como ex-chanceler, me sinto envergonhado', diz Amorim sobre prisão de Lula
Bruna Prado/UOL

Inconformado, o ex-ministro das Relações Exteriores do governo Lula, Celso Amorim, afirmou que, enquanto ex-chanceler, se sente envergonhado com a ordem de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por considerá-la arbitrária. "Como brasileiro estou me sentindo injustiçado e, como ex-chanceler, muito envergonhado", desabafou Amorim nesta manhã de sexta-feira, 6, à Rádio CBN.


O juiz federal Sergio Moro deu prazo até as 17h desta sexta-feira, ao ex-presidente Lula para que ele se apresente "voluntariamente" à Polícia Federal em Curitiba, base da Operação Lava Jato.


Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão no processo do caso triplex do Guarujá (SP). O ex-presidente passou a noite no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, acompanhado dos filhos e correligionários. Ele não disse se irá se entregar.

FONTE: ESTADÃO/UOL

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados