Sábado, 21 de julho de 201821/7/2018
(94) 99153-9530
Claro
20º
30º
33º
Xinguara - PA
dólar R$ 3,80
euro R$ 4,46
Auto Posto Conquista
POLÍTICA
Lula é preso; ex-presidente chega a Curitiba para começar a cumprir pena
Uma grande queima de fogos aconteceu logo que Lula chegou à sede da PF em Curitiba. No local, há uma grande concentração de manifestantes pró e contra Lula.
Moraes Filho Xinguara - PA
Postada em 08/04/2018 ás 00h34
Lula é preso; ex-presidente chega a Curitiba para começar a cumprir pena

Lula chega à Superintendência da PF em Curitiba, onde ficará preso (Foto: Ricardo Moraes/Reuters)

Bernardo Barbosa, Nathan Lopes, Ana Carla Bermúdez e Luís Adorno


Do UOL, em São Bernardo (SP) e em Curitiba


O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), 72, chegou por volta das 22h em um avião monomotor a Curitiba, onde começa a cumprir a pena de 12 anos e um mês de prisão. Ele chegou de helicóptero ao Aeroporto de Congonhas (SP) e também foi transportado dessa forma para a Superintendência da PF (Polícia Federal), onde está preso.


Uma grande queima de fogos aconteceu logo que Lula chegou à sede da PF em Curitiba. No local, há uma grande concentração de manifestantes pró e contra Lula.


Policiais militares atiraram bombas e balas de borracha contra apoiadores do ex-presidente Lula no momento em que o helicóptero transportando o petista pousava na sede da PF.


O Dr. Rosinha, ex-deputado federal e presidente do diretório do partido no Paraná, disse que partiu da PF o início do confronto e que ninguém forçou as grades do portão. "Não tinha ninguém forçando o portão. A PF que começou a jogar bombas", afirmou. A PF foi procurada pelo UOL, mas ainda não se manifestou.


Segundo uma manifestante ouvida pelo UOL e que preferiu não se identificar, a ação partiu de policiais que estavam dentro do terreno da Polícia Federal, atrás de um dos portões que dão acesso ao local. Do outro lado, militantes pró-Lula soltavam, naquele momento, rojões com fumaça vermelha para receber o ex-presidente.



Ex-presidente Lula chega à superintendência da PF em São Paulo


Muito assustada, a manifestante disse não ter visto militantes tentando forçar a entrada na PF. Ela contou ter visto uma mulher ferida nas pernas por estilhaços de bombas. Segundo a Bandnews, manifestantes tentaram invadir a superintendência forçando portões e grades do local.


Lula fez o exame de corpo de delito na Superintendência da PF (Polícia Federal), na Lapa, em São Paulo. O procedimento é rotina para qualquer preso. Até o momento, a defesa do ex-presidente não quis se pronunciar a respeito. O advogado Cristiano Zanin Martins está com ele em Curitiba.


Também viajaram para apoiá-lo na capital paranaense a presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PT-PR), e o senador Lindbergh Farias (PT-RJ).


Por volta das 18h45, o petista deixou o Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, no ABC paulista, a pé e se entregou à PF. Ele foi levado em um comboio até o aeroporto.


Antes, por volta das 17h, ele tentou sair do prédio e entrou no carro com Zanin Martins, mas foi impedido de sair pela militância à frente do portão, por isso na segunda tentativa ele cruzou os portões a pé. Apoiadores derrubaram as grades que barravam a entrada para tentar acompanhá-lo.


Foram quase 26 horas para se entregar após o esgotamento do prazo dado por Moro --e 49 horas depois de proferida a decisão.

FONTE: UOL
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados