CONQUISTA GIF TOPO
SEM MOTIVO

Mourão rejeita golpe convocado por Eduardo Bolsonaro: 'Me poupe'

“Me poupe. Ele é deputado, ele fala o que quiser. Assim como um deputado do PT fala o que quiser e ninguém diz que é golpe. Ele não serviu Exército. Quem vai fechar Congresso? Fora de cogitação", disse o vice-presidente, general Hamilton Mourão

28/05/2020 18h36
Por: Moraes Filho
Mourão e Eduardo Bolsonaro (Foto: Reuters | Câmara dos Deputados)
Mourão e Eduardo Bolsonaro (Foto: Reuters | Câmara dos Deputados)

O vice-presidente, general Hamilton Mourão (PRTB), voltou a ironizar o deputado federal Eduardo Bolsonaro (Sem Partido-SP), que nesta quarta-feira (27), ao lado de Olavo de Carvalho, defendeu uma “reação enérgica” contra o Supremo Tribunal Federal (STF) em razão da operação desencadeada pela PF contra a milícia digital que propaga fake news para defender o pai, Jair Bolsonaro.

“Me poupe. Ele é deputado, ele fala o que quiser. Assim como um deputado do PT fala o que quiser e ninguém diz que é golpe. Ele não serviu Exército. Quem vai fechar Congresso? Fora de cogitação, não existe situação para isso”, afirmou Mourão ao blog da jornalista Andreia Sadi, no portal G1.

Em março, usou a mesma ironia, chamando o filho de Jair Bolsonaro de “Eduardo Bananhinha”, após declarações do deputado que causaram uma crise diplomática com a China.

Leia a íntegra na Fórum.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
-
Atualizado às 21h00
Máxima: - Mínima:

Sensação

km/h

Vento

%

Umidade

Fonte: Climatempo
ANIMED - MAIOR
CONQUISTA QUADRADO -POLÍTICA
Municípios
CONQUISTA/ ESPORTE
Últimas notícias
CARRO EDVALDO ENTRETENIMENTO
Mais lidas
Anúncio
Anúncio