CONQUISTA GIF TOPO
COVID-19

Governo do Pará distribui remédios para tratamento da Covid-19 aos 144 municípios do Estado

Medida faz parte das ações de combate ao coronavírus realizadas pelo Governo

04/06/2020 22h03
Por: Moraes Filho
Fonte: AGÊNCIA PARÁ
Governador Helder Barbalho acompanhou a logística de entrega no centro de distribuição de medicamentos. Crédito: Alex Ribeiro / Ag.Pará
Governador Helder Barbalho acompanhou a logística de entrega no centro de distribuição de medicamentos. Crédito: Alex Ribeiro / Ag.Pará

O Governo do Pará realiza, nesta quinta-feira (4), a quarta entrega de medicação para tratamento da Covid-19 aos 144 municípios do Estado. São 65 mil hidroxicloroquinas e 227 mil azitromicinas distribuídas para a capital e interior. A medida faz parte das ações do Governo no combate ao coronavírus, para garantir o tratamento da população.

Segundo o governador do Pará, Helder Barbalho, que acompanhou a logística no centro de distribuição de medicamentos, muitas cidades têm apresentado dificuldade na aquisição dos remédios.

"A preocupação do Estado é garantir a medicação para a população. Enviamos na manhã desta quinta-feira (4), as medicações para o tratamento do coronavírus aos 144 municípios do Pará. Ao todo, já adquirimos 615 mil hidroxicloroquinas, 940 mil azitromicinas, o que significa 188 mil tratamentos para a população" - governador do Estado, Helder Barbalho.

Ao todo, o Estado já garantiu 188 mil tratamentos para a população. Crédito: Alex Ribeiro / Ag.Pará

Durante o período da pandemia, essa é a quarta distribuição de medicamentos que são utilizados no combate à Covid-19, realizada pelo Governo. "A iniciativa tem como objetivo fortalecer a assistência farmacêutica a nível da atenção básica em todos os municípios do nosso Estado, dando esse aporte de medicamentos, diante das dificuldades encontradas pelos municípios. Estamos fazendo a entrega dos medicamentos através da malha de distribuição dos nossos 13 centros regionais de saúde", afirma o diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Edney Pereira.

"Nós não entramos na discussão sobre o que deve ou não ser prescrito pela autoridade médica. No Pará, o médico é quem está no comando e na linha de frente, por isso, é ele a autoridade que vai decidir aquilo que cada paciente deve tomar. Cabe ao governo do Estado garantir as condições para que essa tomada de decisão possa acontecer", ressalta Helder Barbalho.

O diretor da Sespa garante que o governo do Estado tem se preocupado em dar apoio aos médicos dentro dos seus critérios técnicos e em sua avaliação individual com cada paciente, que devem ter consentimento livre e esclarecimento sobre o uso das drogas.

Crédito: Alex Ribeiro / Ag.Pará

"Nós temos a intenção de assegurar, seja na atenção básica, através das ações das Unidades de Saúde, na Policlínica Metropolitana e Itinerante, como também o reforço nos hospitais, por isso estamos ampliando com leitos clínicos e leitos de Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) para que a assistência, a atenção e o tratamento possam acontecer para salvar a vida da nossa população", assegura o governador.

ISOLAMENTO SOCIAL

O governador também reforçou a importância do isolamento social após o período de lockdown. "Pedimos para que todos fiquem em casa, se protejam e usem máscaras, para que juntos possamos vencer o coronavírus", reitera.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
-
Atualizado às 21h00
Máxima: - Mínima:

Sensação

km/h

Vento

%

Umidade

Fonte: Climatempo
ANIMED - MAIOR
CONQUISTA QUADRADO -POLÍTICA
Municípios
CONQUISTA/ ESPORTE
Últimas notícias
CARRO EDVALDO ENTRETENIMENTO
Mais lidas
Anúncio
Anúncio