CONQUISTA GIF TOPO
LAVA JATO

Lava Jato chega ao momento mais difícil após contestações de Aras

Lava Jato vem sendo contestada pelo procurador-geral Augusto Aras. Membros da força-tarefa de Curitiba têm certeza de que Aras pretender centralizar todas as investigações sobre corrupção do governo

06/07/2020 00h14
Por: Moraes Filho
Fonte: BRASIL 247
 (Foto: Agência Brasil)
(Foto: Agência Brasil)

A força-tarefa da Operação Lava Jato está envolvida com suspeitas de irregularidades, enfrentando críticas externas e internas. A equipe de Curitiba, coordenada por Deltan Dallangol, recebe ataques diretos da Procuradoria-Geral da República (PGR). O confronto se estende com Augusto Aras, que recebeu de Jair Bolsonaro a promessa de indicação para uma eventual terceira vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). A informação é do portal Correio Braziliense. 

Os procuradores da Lava Jato alimentam a certeza de que Aras quer centralizar todas as investigações sobre corrupção do governo. A PGR tem dois objetivos principais, segundo a reportagem: proteger Bolsonaro e desconstruir a imagem que ainda resta do ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro.

A disputa entre Aras e a força-tarefa de Curitiba iniciou justamente quando Moro saiu do governo.

A guerra envolvendo a Lava Jato vem ganhando novos capítulos bombásticos com bastante frequência. Nos últimos dias, surgiram informações de que a equipe de Curitiba teria usado equipamento de gravação e interceptação telefônica de forma ilegal.

Deltan Dallagnol negou, mas a Lava Jato admitiu, através de ofício enviado a PGR na semana passada, que o aparelho teria gravado “sem querer” algumas pessoas, depois de servidores terem saído do grupo e “esquecido” o terminal de gravação ligado. 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários