Domingo, 24 de Janeiro de 2021 (94) 99153-9530
Saúde VEM AÍ

Governo do Pará inicia distribuição de seringas e agulhas para vacinação contra Covid-19

A distribuição inicia nesta quarta-feira (6) e vai reforçar o estoque das 13 unidades regionais da Sespa.

06/01/2021 08h49
Por: Redação Integrada Fonte: DOL com informações da Agência Pará
Plano logístico foi acompanhado na noite de hoje (5). | Jader Paes/Agência Pará
Plano logístico foi acompanhado na noite de hoje (5). | Jader Paes/Agência Pará

O plano logístico da Secretaria de Estado de Saúde Público (Sespa) para a distribuição de seringas e agulhas, em preparação à vacina contra a Covid-19 em todo o território paraense, está entrando em sua fase final.

Com ritmo de mortes acelerado, Manaus manda abrir mais seis mil covas

Covid-19: boletim desta terça (5) no Pará tem seis mortos e são todos homens

O procedimento foi acompanhado na noite desta terça-feira (5) pelo governador Helder Barbalho. A distribuição inicia amanhã (6) e vai reforçar o estoque das 13 unidades regionais da Sespa.

"Estamos dando início à distribuição das seringas, agulhas e isopores para a estratégia de imunização do Pará contra a Covid-19. Queremos tranquilizar a população de nosso Estado, porque já temos em estoque seis milhões de agulhas e seringas, além de 2.200 isopores para acondicionamento da vacina", disse Helder.

Ele ressaltou também que aguarda o comprometimento do Ministério da Saúde com a distribuição das vacinas contra a Covid-19, mas ressaltou que o Pará segue atento às oportunidades de aquisição direta de vacinas.

VEJA TAMBÉM:

Elba Ramalho afirma que pandemia é criação comunista para destruir cristãos

Massagista do Independente morre por complicações da covid-19

"Brasil está quebrado e eu não consigo fazer nada", diz Bolsonaro; veja o vídeo

Filho de 3 meses de estrela de Harry Potter é internado com covid-19

"Estamos atentos ao calendário do Governo Federal para o Plano Nacional de Imunização como plano A. Ao mesmo tempo, estamos dialogando com o Instituto Butantan e a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) para, caso seja necessário, o Estado adquira as vacinas para que possamos, ainda em janeiro, iniciar a vacinação da população", afirmou.

VACINAÇÃO - "Neste primeiro momento, serão atendidas 450 mil pessoas. Prevendo as duas doses da vacina, totalizamos a utilização de 900 mil seringas e agulhas. O Estado do Pará tem insumos suficientes para atender plenamente este grupo prioritário de vacinação contra a Covid", informou Ariel Sampaio, secretário Estadual de Saúde Pública em exercício.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias