Sábado, 17 de Abril de 2021 (94) 99153-9530
Cidades HOMEM DO CAMPO

Regularização fundiária ganha força em São Félix do Xingu

É o agronegócio que sustenta o país e com a regularização fundiária trará segurança jurídica e consequentemente qualidade de vida aos produtores rurais, diz João Cleber Prefeitura, Câmara de Vereadores e Incra vão firmar parcerias para Regularização Fundiária nos Assentamentos de São Félix do Xingu

25/02/2021 20h08 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Integrada Fonte: Roney Braga Wydiamaior.
Regularização fundiária ganha força em São Félix do Xingu

A Prefeitura de São Félix do Xingu, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Semagri), e apoio da Câmara de Vereadores, pretendem fechar um convênio de cooperação técnica, para os processos de regularização fundiária em áreas de assentamentos de Reforma Agrária e assistência técnica rural. A parceria também terá apoio do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

O Prefeito João Cleber e o vereador Gonçalo Araújo presidente da Câmara Municipal e a vereadora Maria Edna de Oliveira (Dona Edna) participaram da reunião que teve a presença do Superintendente Regional do Incra no sul e sudeste do Pará, Aveilton Sousa e representantes de associações e sindicatos dos trabalhadores rurais de São Félix, Tucumã, Ourilândia e Água Azul do Norte.

A reunião foi na quadra Raimundo Gomes de Sousa na manhã desta quarta – feira (24).

Na pauta assuntos relacionados à reforma agraria como titulação, inclusão em RB, desbloqueio, transferência, quitação de títulos e fomentos.

O prefeito João Cleber, está otimista com os avanços obtidos no que tange o apoio do governo aos agricultores do município. “É o agronegócio que sustenta o país e com a regularização fundiária trará segurança jurídica e consequentemente qualidade de vida aos produtores rurais”, afirmou.

Outra demanda apresentada pelo gestor é no sentido das instituições financeiras do Governo Federal Basa e Banco do Brasil para que possam fomentar a economia com a liberação de linhas de créditos para o produtor rural.

Na opinião do prefeito, o grande gargalo em São Félix do Xingu é com certeza a regularização fundiária. São 19 projetos de assentamentos e com a escritura dos lotes em mãos, o assentado da reforma agraria assim como os de terras rurais do Estado via Iterpa, poderão contar com linhas de créditos para produzirem com sustentabilidade, destacou.

Já o presidente da Câmara, Gonçalo Araújo, afirmou que o legislativo é parceiro desse projeto junto à prefeitura. “Que venha realmente com essa união trazer esses benefícios ao homem do campo, pois até aqui vem dando certo a parceria Incra e Iterpa” explicou o vereador

O Superintendente Regional do Incra no Sul do Pará, Aveilton Silva de Souza, acompanhado de servidores e da Ouvidoria Agraria explicou que essa união entre o órgão responsável pela reforma agraria com a prefeitura irá avançar em muito o processo de regularização fundiária, no município.

São 517 projetos de assentamentos no sul e sudeste do Pará, onde estão 70 famílias clientes da reforma agrária. De acordo com u superintendente, a regional no estado do Pará foi a que mais operacionalizou com a contratação de algo entorno de R$ 20 milhões de reais em diversas linhas de fomento.

 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Notícias de São Félix do Xingu - PA
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias