Sexta, 14 de Maio de 2021 (94) 99153-9530
Notícias Gospel INTERSEÇÃO

Pastor e fiéis usam ônibus para orar em hospitais

Médico, enfermeiros e pacientes se emocionam com a oração e louvores de evangélicos no Rio de Janeiro.

09/04/2021 15h16
Por: Redação Integrada Fonte: GOSPEL PRIME
Pastor e fiéis em ônibus (Foto: Reprodução/Facebook)
Pastor e fiéis em ônibus (Foto: Reprodução/Facebook)

Médicos e pacientes ficam emocionados diante da oração e intercessão da congregação do pastor Alan Santos, que utiliza um ônibus para orar na frente dos hospitais em Cabo Frio, na região dos lagos do Rio de Janeiro.

O dirigente da igreja Catedral dos Gaditas, tomou a iniciativa do projeto evangelístico e arrastou cerca de 17 fiéis da sua congregação para cantar louvores, orar e pedir a cura e proteção de Deus sobre os doentes.

Em um momento tão crítico que o mundo inteiro está vivendo por causa da covid-19, a atitude de algumas pessoas comovem e geram mais esperança para o Brasil nesta crise.

“Ontem, eu como pastor vivi um momento sobrenatural em minha vida, oramos em todos os hospitais de Cabo Frio; enfermeiros, médicos e pacientes foram para frente dos hospitais chorando e adorando ao Senhor”, escreveu Alan na sua página do Facebook.

Durante três horas o ônibus circulou nas unidades hospitalares da cidade, principalmente as que contam com leitos de internação da UTI lotados por causa da contaminação do vírus.

Um dos vídeos mais visualizados é o que mostra o grupo cristão entoando o hino: “Porque Ele Vive: ‘Porque Ele vive posso crer no amanhã, porque Ele vive, temor não há, mas eu bem sei, eu sei, que a minha vida está nas mãos do meu Jesus que vivo está”.

Os participantes da intercessão mantiveram os protocolos sanitários exigidos, usaram máscaras e mantiveram a distância recomendada dentro do ônibus, não ultrapassando um terço do número total de passageiros no ônibus.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias