Sexta, 14 de Maio de 2021 (94) 99153-9530
Política CPI DA COVID

Depoimento de Pazuello na CPI da Covid é adiado para o dia 19

O ex-ministro cancelou o seu depoimento, marcado para esta quarta-feira (5), alegando ter tido contato com pessoas suspeitas de Covid-19

04/05/2021 19h23 Atualizada há 1 semana
Por: Redação Integrada Fonte: BRASIL 247
Depoimento de Pazuello na CPI da Covid é adiado para o dia 19

Em comunicado enviado à CPI da Covid, o Exército propôs ao Senado o adiamento do depoimento de Eduardo Pazuello. De acordo com o senador Omar Aziz (PSD-AM), que preside a Comissão Parlamentar de Inquérito, o general vai depor daqui a 15 dias de forma presencial

Em comunicado enviado à CPI da Covid, na tarde desta quarta-feira (4), o Exército propôs ao Senado que o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello seja ouvido no próximo dia 19. A instituição dos militares propôs que o depoimento do general fosse virtual, mas o senador Omar Aziz (PSD-AM), que preside a Comissão Parlamentar de Inquérito, destacou a necessidade de o ex-titular da pasta prestar de forma presencial os esclarecimentos sobre o gerenciamento da pandemia.

O ex-ministro cancelou o seu depoimento, marcado para esta quarta-feira (5), alegando ter tido contato com pessoas suspeitas de Covid-19

Pazuello chegou até a fazer um treinamento com assessores do Planalto antes de ir à CPI e ficou "muito nervoso", de acordo com interlocutores.

Temperamento do militar preocupa o governo. 

A CPI começou a ouvir nesta terça-feira (4) o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. Outro ex-titular da pasta, Nelson Teich, falaria nesta terça, mas o seu depoimento foi adiado para às 10h desta quarta. 

Para esta quinta-feira (6) estão marcados os depoimentos do ministro Marcelo Queiroga e do presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias