Quarta, 22 de Setembro de 2021
°

-

Política ELEIÇÕES 2022

Mourão defende voto impresso e critica Judiciário por ser contrário a mudança no pleito

"Nossos magistrados ultrapassaram seu limite ao emitirem opinião sobre algo que não lhes diz respeito”....

05/08/2021 às 08h54 Atualizada em 05/08/2021 às 09h11
Por: Redação Integrada Fonte: COM INFORMAÇÕES DO ESTADÃO
Compartilhe:
Crédito: Fabio Pozzebom/Agência Brasil
Crédito: Fabio Pozzebom/Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) defendeu nesta quarta-feira, 4, o voto impresso e fez uma crítica aos membros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) por serem contrários a mudança do sistema eleitoral.

"Nossos magistrados ultrapassaram seu limite ao emitirem opinião sobre algo que não lhes diz respeito. O que diz respeito ao magistrado é fazer com que a eleição ocorra dentro das regras estabelecidas pelo Legislativo", disse o vice de Bolsonaro durante uma palestra promovida pelo grupo Personalidades em Foco, liderado pelo empresário Paulo Zanotto.

Mourão ainda completou: "se o Legislativo estabelecer que a regra eleitoral diz que o eleitor terá que plantar uma bananeira na hora de digitar o voto, compete à Justiça Eleitoral assegurar que isso ocorra, e não o magistrado interferir neste processo", ironizou.

Mourão também reproduziu alguns dos argumentos utilizados frequentemente pelo presidente Jair Bolsonaro, como a suposta defasagem tecnológica da urna eletrônica.

Segundo o presidente do TSE e ministro do STF, Luís Roberto Barroso, o software do aparelho é reformado frequentemente a partir dos Testes Públicos de Segurança (TPS) que são realizados pelo órgão às vésperas de cada pleito desde 2009.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias