Quinta, 02 de Dezembro de 2021
°

-

Cidades FALTA DE PROFESSORES

Rodovias são fechadas por falta de professores no sudeste do Pará

Os povos indígenas da Reserva Mãe Maria e Reserva Suruí Sororó interditaram a BR-222 e BR-153, nesta terça-feira (19).

20/10/2021 às 07h00 Atualizada em 20/10/2021 às 07h09
Por: Redação Integrada Fonte: Debate Carjás
Compartilhe:
Rodovias são fechadas por falta de professores no sudeste do Pará

Os povos indígenas da Reserva Mãe Maria fecharam a BR-222, no final da manhã desta terça-feira (19), em protesto contra a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), na zona rural de Bom Jesus do Tocantins, próximo a Marabá, no sudeste do Pará, devido a falta de professores.

No mesmo horário, um grupo de indígenas da Reserva Suruí Sororó interditou a BR-153, entre São Domingos e São Geraldo do Araguaia, e estabeleceu um prazo para o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Fundação Nacional do Índio (Funai) e governo do estado do Pará cumprirem os acordos firmados com os povos indígenas da Reserva Suruí Sororó.

O Portal Debate Carajás conversou com o Diretor da 4ª Unidade Regional de Ensino (4ª Ure), na tarde desta terça-feira (19), Prof. Magno Deleon. O gestor afirmou que as demandas dos povos indígenas relacionadas à educação já foram encaminhadas para a Seduc. No entanto, ele afirmou que a solução da falta de professores e servidores de apoio necessita de licitação, aditivos de contratos e processo seletivo, mas já estaria sendo providenciado. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias