Quarta, 19 de Janeiro de 2022
°

-

Cidades TRAGÉDIA

Barco naufraga e mata mãe e 3 filhas no nordeste do Pará

“Rabeta” naufragrou, na madrugada desta quinta-feira (9), com 7 pessoas a bordo.

10/12/2021 às 17h30
Por: Redação Integrada Fonte: (Portal Debate Carajás, com Diário Pedrosa)
Compartilhe:
Rosilene Barbosa e filha de colo morreram no naufrágio - Reprodução
Rosilene Barbosa e filha de colo morreram no naufrágio - Reprodução

Na manhã desta sexta-feira (10), o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Voluntários encontraram o corpo de Rosilene Sena Barbosa, na madrugada desta quinta-feira (9), morta durante o naufrágio de uma embarcação, conhecida como “Rabeta”, no Rio Arari, nas proximidades da Fazenda Menino Jesus, na cidade de Santa Cruz do Arari, Arquipélago do Marajó, nordeste do Pará. O pai e dois filhos conseguiram se salvar, mas mãe e 3 filhas morreram afogadas, nas proximidades da Fazenda Menino Jesus, na cidade de Santa Cruz do Arari, Arquipélago do Marajó.

 O corpo da filha dela, Jadiane Sena Barbosa, 15 anos, foi achado no começo da manhã, por volta de 7h, porém  Lorrana Heloá Sena Barbosa, 2 anos, e a adolescente Adriane Sena Barbosa, 13 anos, permanecem desaparecidas. A Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e voluntários estão participando das buscas pelos desaparecidos, nas águas turvas do Rio Arari.

De acordo com Hélio Cuimã, esposo de Rosilene Barbosa, a família viajava num barco tipo “rabeta”, todavia a altura da Fazenda Menino Jesus, o leme se desprendeu do eixo e provocou o descontrole da pequena embarcação. O pai de família ainda conseguiu salvar o filho Lorran Eduardo Barbosa, 5 anos, e Léo Hélio Araújo Cuimã, 7 anos, porém a esposa e duas filhas sumiram no local do acidente.

A notícia do naufrágio da embarcação chocou a população da pequena Santa Cruz do Arari. Os corpos de mãe e filha foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) para realização de necropsia. As buscas continuam pelos corpos das duas garotas desaparecidas. Uma tragédia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias