Sábado, 28 de Maio de 2022
Cidades POLÍCIA

Drone ajuda polícia localizar acusado de estupro no Pará

O acusado se escondeu em uma fazenda após cometer o crime, em março deste ano, em Monte Alegre

23/04/2022 às 23h41 Atualizada em 23/04/2022 às 23h47
Por: Redação Integrada Fonte: (Portal Debate com Native News Carajás e G1/Santarém)
Compartilhe:
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

Foragido há quase dois meses, Nelsinho Carvalho foi preso nesta quinta (21/4), na zona rural do município de Monte Alegre, no oeste do Pará. Equipes do serviço de inteligência das polícias Civil e Militar usaram um drone para localizá-lo.

Nelsinho estava foragido desde o dia 25 de março deste ano, suspeito de ter drogado e estuprado uma jovem de 21 anos em um motel da cidade de Monte Alegre. Para realizar a prisão, a polícia fez um trabalho investigativo que contou com a participação de agentes do serviço de inteligência das polícias Civil e Militar, que usaram um drone para ter a exata localização de onde ele estava.

Nelsinho Carvalho estava escondido na fazenda de parentes no setor 4. A área é distante e de difícil acesso. Por isso, para garantir que se tratava do suspeito, a polícia utilizou um drone. Segundo o delegado Rodrigo Barbosa, Nelsinho não reagiu à prisão. Ele foi apresentado na Delegacia de Monte Alegre.

Após o crime, a mãe da vítima, que não reside no Brasil, chegou a oferecer recompensa de R$ 10 mil a quem desse informação sobre o paradeiro dele. Ela contou que os advogados do acusado entraram com pedido de revogação da prisão, o que foi negado  pela justiça, que manteve a prisão preventiva.

No dia 25 de março, a Polícia Civil deflagrou a Operação “Alcaloide”, para dar cumprimento a mandados de busca e apreensão e também de prisão preventiva contra os envolvidos no crime. Na ação foram apreendidos aparelhos eletrônicos e preso Estefesson Santos, que é acusado de ter colocado substância entorpecente na bebida da vítima.

Nelsinho Carvalho, apontado como o autor do crime, não foi localizado e desde então passou a ser considerado foragido.

O caso

A jovem de 21 anos, que atualmente está morando na Suíça, estava em Monte Alegre visitando familiares. Após as comemorações do aniversário da mãe, no dia 23 de fevereiro, ela foi estuprada.

À família, a jovem contou que depois da festa de aniversário da mãe, ela foi para um bar com amigos e posteriormente o grupo foi para um motel, onde tinham reservado um quarto. Nelsinho Carvalho, já sabendo que a vítima estava drogada, a tirou do meio dos amigos e a levou para outro quarto, onde a teria estuprado.

Testemunhas disseram que, ao ver ele arrastando a jovem para outro quarto, foram atrás, bateram insistentemente na porta, mas Nelsinho não abriu a porta. Familiares e amigos chegaram a fazer protestos em frente à Delegacia de Polícia Civil pedindo a prisão dele.  Ele agora está à disposição do Sistema Penal. 

Estefesson é acusado de botar droga na bebida da vítima Crédito: Reprodução

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias