Sábado, 28 de Maio de 2022
Geral IMPRESSIONANTE

Motorista pulou do caminhão para não morrer após colisão em paredão do Portão do Inferno.

De acordo o tenente-coronel Adão César Rodrigues, a suspeita é de que o veículo tenha ficado sem freio enquanto passava pela estrada no Portão do Inferno.

08/05/2022 às 11h28 Atualizada em 08/05/2022 às 11h40
Por: Redação Integrada Fonte: OLHARDIRETO
Compartilhe:
Caminhão estava sendo dirigido por Daniel Francisco Sales, de 65 anos
Caminhão estava sendo dirigido por Daniel Francisco Sales, de 65 anos

Imagens aéreas mostram que por pouco o caminhão que caiu no Portão do Inferno, na MT-251, em Chapada dos Guimarães, não despencou no precipício que tem 75 metros de altura. O acidente aconteceu na manhã desta quarta-feira (4) e o motorista sobreviveu.

Caminhão perde controle e despenca no ‘Portão do Inferno’ da Chapada dos Guimarães; vídeo

O veículo estava sendo dirigido por Daniel Francisco Sales, de 65 anos, que trabalhava no transporte de galões de água no momento da queda. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado pelo Ciopaer para uma unidade de saúde.

Imagem:Olhardireto

Informações preliminares apontam que Daniel fraturou uma das pernas, mas estava consciente após o acidente. Câmeras de seguranças do ponto turístico registraram o momento da queda, que aconteceu às 11h46.

Imagem: Olhardireto

O comandante do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário da Polícia Militar, tenente-coronel Adão César Rodrigues, explicou que o fato do motorista ter sobrevivido surpreendeu as equipes de resgate.

“Surpreende pela altura e pelo estado do caminhão, além de como foi a queda. O resgate pelo Corpo de Bombeiros exigiu muita dificuldade, porque o local era de difícil acesso”.

Imagem: Olhardireto

De acordo com ele, a suspeita é de que o veículo tenha ficado sem freio enquanto passava pela estrada no Portão do Inferno. No entanto, o tenente-coronel ressalta que a informação é apenas especulação até as perícias serem realizadas.

“Pelas imagens tudo aparenta que ele realmente perdeu o freio do caminho. Talvez descendo com velocidade incompatível ao veículo, ao peso que estava carregando naquele momento ou ao local que exigia uma velocidade mais moderada por ser uma curva acentuada”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias